Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

29 de abril de 2011

A Volta do Povo à Praça

A Volta do Povo à Praça *É neste sábado, dia 30 de abril de 2011*, a partir das 8h da manhã que
estaremos recebendo na praça Alexandre Zacchia, que fica em frente ao
Quilombo do Sopapo, o *Festival Literário de Porto Alegre* realizando a
segunda edição da *Volta do Povo à Praça*. Para saber mais da atividade e
qual sua programação acesse
http://quilombodosopapo.blogspot.com/2011/04/volta-do-povo-praca-e-festival.html.
A nossa primeira edição da Volta do Povo à Praça foi no dia 27 de
novembro
do ano passado e para quem ainda não sabe do que se trata isto é legal
aproveitar o momento uma vez que, as postagens dos blogs são registro da
nossa história e da nossa trajetória de 3 anos de centro cultural
comunitário, acesse
http://quilombodosopapo.blogspot.com/2011/04/abraco-coletivo-volta-do-povo-praca.html
.


E haverá um momento especial para o Quilombo do Sopapo na manhã deste dia
30, a partir da 10h30min, o lançamento do *Livro Imagens Faladas - uma
reportagem fotográfica sobre a memória do Bairro Cristal.* Resultado da
Residência Artística - interação Estética de mesmo nome. Esta atividade será
realizada com a contação de histórias do que é feito o livro por seus
personagens e entrevistadores além de uma sessão de autógrafos com a
disponibilização de 50 exemplares para os presentes. Para saber mais do que
é o imagens Faladas acesse o blog www.projetoimagensfaladas.wordpress.com .

*Dia 30 de abril de 2011
das 8h às 18h
Praça Alexandre Zachia Avenida Capivari 602, bairro Cristal
A Volta do Povo à Praça - Festival Literário de Porto Alegre
51 - 3398-0602 e 51 - 96278626*

28 de abril de 2011

Nova turma para Porto Alegre (15 vagas) - CURSO MODULAR DE GESTÃO CULTURAL 2011 com Marcelo Miguel

Nova turma para Porto Alegre


CURSO MODULAR  DE GESTÃO CULTURAL 2011


Curitiba/PR - Florianópolis/SC - Porto Alegre/RS

www.quixoteart.com.br

Instrutor: Marcelo Miguel

Carga horária total: 72 horas/atividade

Aulas de Maio de 2011 a Novembro de 2011

Local das aulas em Porto Alegre

Porto Alegre

Hotel Everest – Rua Duque de Caxias 1357 – 9ª andar – Centro

(Próximo a Assembléia Legislativa do RS)

O Curso Modular de Gestão Cultural promovido pela Quixote Art & Eventos está   com inscrições abertas para uma nova turma na cidade de Porto Alegre  com  carga horária total de 72 horas/atividade.

Em Porto Alegre esta turma terá as aulas mensais as quintas-feiras à noite (sempre na terceira quinta-feira de cada mês, das 18h às 22h) com início das  aulas previsto para o dia 19 de maio e termino para o dia 17 de novembro de  2011 *( Somente a aula do modulo 07 ocorrerá no sábado dia 15 de outubro
conforme programa abaixo)


PROGRAMAÇÃO


TURMA A5 - PORTO ALEGRE (aulas na terceira quinta-feira de cada mês)


Dia 19 de maio (quinta) das 18h às 22h  - modulo 01

Dia 16 de junho (quinta) das 18h às 22h - modulo 02

Dia 14 de julho (quinta) das 18h às 22h - modulo 03

Dia 18 de agosto (quinta) das 18h às 22h - modulo 04

Dia 15 de setembro (quinta) das 18h às 22h - modulo 05

Dia 13 de outubro (quinta) das 18h às 22h - modulo 06

Dia 15 de outubro (sábado) das 09h às 16h - modulo 07

Dia 17 de novembro (quinta) das 18h às 22h - modulo 08

CONTEUDO PROGRAMÁTICO COMPLETO

Módulo 01 - Planejamento e Formatação de Projetos Culturais Conhecendo a Lei  Rouanet

• Introdução a Economia da Cultura – Considerações gerais sobre a Arte e a  Cultura. A importância da Indústria Cultural e seu impacto na economia.
Principais dificuldades da produção cultural e os números da indústria da  cultura no Brasil e no Mundo.

• Planejamento - Conceituação de planejamento e sua importância. Formas de  planejamento aplicado ao setor cultural. A definição dos objetivos e metas  de um projeto cultural. A construção do planejamento estratégico. A  Identificação do público alvo. Noções gerais sobre formatação de projetos
culturais.

• Leis de Incentivo à Cultura - Principais fontes de financiamentos para  projetos culturais. A evolução histórica das Leis de Incentivo à Cultura no  Brasil. Apresentação geral da Lei Rouanet. Apresentação do PRONAC.
Diferenciação do mecanismo do Mecenato Subsidiado e o FNC. Quem pode  apresentar projetos e tipo de projetos podem se beneficiar com o Mecenato.
Isenção fiscal obtida pelos patrocinadores. Prazos.

• Leis de Incentivo à Cultura - Distinção do artigo 18 e artigo 26.
Apresentação do SALIC WEB e o preenchimento dos formulários para  cadastramento de projetos.

Módulo 02 - Captação de recursos para projetos culturais – O funcionamento  do Mecenato na Lei Rouanet

• Leis de Incentivo à Cultura – Relação de documentos que devem ser  apresentados para cada projeto. Apresentação do tramite para aprovação dos  projetos. A CNIC e a possibilidade de recursos.

• Leis de Incentivo à Cultura – Detalhamento do Mecenato da Lei Rouanet. A  gestão de recursos dos projetos da Lei Rouanet. A abertura de conta bancária  exclusiva e a movimentação dos recursos. O preenchimento do recibo do  patrocinador.

• Marketing Cultural - Conceituação de Marketing. O mecenato e sua evolução  histórica. O surgimento do patrocínio cultural e suas características.
Conceituação de patrocínio, doação, apoio, promoção e parceria. O que leva  uma empresa a investir em cultura. O valor agregado e o retorno  institucional.

• Captação de Recursos - O planejamento para o trabalho de captação de  recursos. O perfil do captador de recursos. Técnicas e estratégias de  abordagem e prospecção. O check-list para a captação de recursos. O processo  de negociação. Noções gerais sobre contrato de patrocínio.

Módulo 03 - Políticas Públicas para Cultura – Conhecendo o Sistema Nacional  de Cultura 

• Leis de Incentivo a Cultura – Os Novos Fundos Setoriais e a proposta da  Nova Lei de Fomento. Apresentação do Fundo Nacional de Cultura (FNC), sua  evolução histórica e sua utilização pelo poder público e pelas entidades sem  fins lucrativas. O cadastramento de projetos culturais junto ao SINCOV.
Apresentação dos formulários e documentos necessários.

• Política Cultural – Evolução histórica da Gestão Pública da cultura no  Brasil. Estrutura do poder Público na área da cultura. O Ministério da  Cultura e seus órgãos. As Secretaria de Estado da Cultura e sua estrutura
administrativa. O funcionamento e às diferenças entre Fundações Culturais, Secretaria Municipais de Cultura e Departamentos de Cultura nos municípios.

• Política Cultural – O papel do poder público na área da cultura segundo a legislação. Aspectos constitucionais e jurídicos. Noção Geral da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei Federal de Licitações - Nº. 8.666/93

• Política Cultural – Apresentação do Sistema Nacional de Cultura - SNC.
Histórico e principais características. Plano Nacional de Cultura – PNC.
Histórico e base legal. Apresentação do Sistema Federal de Cultura e do Plano Federal de Cultura. A organização e realização da Conferência Nacional de Cultura. Principais programas de incentivo mantidos pelo Governo Federal para o setor cultural. Apresentação do Programa Cultura Viva. O que são Pontos de Cultura. A PEC 150 e os principais PL em tramitação no Congresso Nacional. Novidades do MinC: O Vale Cultura e o Selo Cultura para patrocinadores.

Módulo 04 - Cultura e Terceiro Setor – A Prestação de Contas dos Projetos Culturais no FNC e na Lei Rouanet

• Introdução ao estudo do Direito – Fontes do Direito. Noções gerais sobre personalidade e capacidade jurídica. Definição de pessoas físicas e jurídicas segundo a legislação. Tipos de pessoas jurídicas e sua
características. Como instituir uma pessoa jurídica sem fins lucrativos e a documentação necessária. A diferença entre uma Associação e Fundação.

• Legislação Para o Terceiro Setor – O que é uma OSCIP. Apresentação da Lei nº. 9.790/99 e sua principais características. Vantagens de uma OSCIP.
Considerações gerais sobre o terceiro Setor. Conceituação do Terceiro Setor e o seu papel no desenvolvimento da sociedade. A arte e a cultura como instrumentos de atuação do terceiro setor.

• Legislação Para o Terceiro Setor – A captação de recursos para o terceiro setor. Apresentação de projetos bem sucedidos do terceiro setor.

• Leis de Incentivo à Cultura – O FNC e as forma de celebração de convênio junto ao poder público. Legislação aplicada aos convênios. A prestação de contas para projetos da Lei Rouanet (FNC e Mecenato).

Módulo 05 - Gestão de Projetos Culturais – Legislação e Cultura

• Introdução ao estudo da Gestão – O Perfil do Gestor Cultural, sua formação e sua características. Conceituação de agente cultural, produtor cultural e gestor cultural. Etapas da produção cultural. Princípios administrativos aplicados a gestão da cultura e os instrumentos de gestão. Tipos de Gestão e principais correntes de pensamento. • Legislação aplicada ao setor cultural
– Noções gerais do Código de Defesa do Consumidor. O uso de espaços públicos na organização de projetos culturais. Principais preocupações do produtor cultural na utilização dos espaços. Documentação para promoção de eventos e espetáculos públicos. O atendimento médico e a segurança dos espaços. Planos
de seguros voltados especialmente para o setor cultural. O recolhimento de taxas e impostos. A contratação de artistas estrangeiros. Noções gerais sobre contratos. • Direito Autoral – Fundamentos constitucionais. Direito Autoral e a Propriedade Intelectual. Direito moral e o direito patrimonial do autor. Apresentação da Lei Federal nº. 9.610. O registro de obras e textos. Noções Gerais sobre o uso de direito de imagem. O recolhimento do ECAD e do SBAT. • Gestão de Projetos – Principais preocupações na gestão de
eventos. Apresentação das características e preocupações para projetos de shows musicais e peças de teatro. A gestão de projetos de artes visuais.
Características gerais dos projetos de produção gráfica. Projetos de patrimonio cultural material e imaterial. Projetos audiovisuais.

Módulo 06 - Planejamento de Comunicação para Projetos Culturais - Assessoria de Imprensa para Projetos Culturais.

• Introdução ao estudo da Comunicação – Definição de Comunicação e sua importância na organização social. Forma de Comunicação. Conceituação de Semiótica e sua características. Noções Gerais de Teoria da Comunicação.

• Assessoria de Comunicação para projetos culturais – O Perfil do profissional de comunicação para o trabalho de assessoria de comunicação. O planejamento de comunicação e suas características.Principais diferenças na atuação do assessor de imprensa, do publicitário e do relações públicas. A função da publicidade e a propaganda em um projeto cultural. • Assessoria de Imprensa de Imprensa – O campo de atuação do assessor de imprensa.
Instrumentos para o trabalho de assessoria de imprensa. Particularidades no trabalho de assessoria de imprensa para projetos culturais. A produção do press-release e a relação com os profissionais da imprensa. Apresentação de alternativas para a assessoria de imprensa de projetos culturais. •
Jornalismo Cultural – A arte como forma de comunicação e expressão. A indústria cultural segundo a Escola de Frankfurt. Definição de mídia e comunicação de massa. O Jornalismo Cultural. Características e
particularidades. O papel do jornalista cultural e seus dilemas.
Apresentação dos ...

Congresso da Cidade estará nos bairros Espírito Santo, Guarujá e Serraria

Em continuidade à "Etapa Bairros" do 5º Congresso da Cidade, hoje, 28, será a vez dos moradores e lideranças dos diversos setores da sociedade organizada vinculados aos bairros Espírito Santo, Guarujá e Serraria discutir os Motes e Metas para os seus territórios. O encontro ocorrerá das 19h às 22h, com intuito de projetar Porto Alegre para a Copa do Mundo de 2014 e para ano de 2022, quando a Capital completará 250 anos. A reunião visa a promover a mobilização das ações para o desenvolvimento da cidade e será realizada no CTG Roda de Chimarrão, localizado na Estrada da Serraria nº 1835.

Espírito Santo
Tem 6.121 habitantes, representando 0,45% da população do município. Com área de 1,9 km², representa 0,40% da área do município, sendo sua densidade demográfica de 3.221,58 habitantes por km². A taxa de analfabetismo é de 3,3 % e o rendimento médio dos responsáveis por domicílio é de 11,3 salários mínimos.

Guarujá
Tem 4.841 habitantes, representando 0,36 % da população do município. Com área de 1,47 km², representa 0,31% da área do município, sendo sua densidade demográfica de 3.293,20 habitantes por km². A taxa de analfabetismo é de 3,6 % e o rendimento médio dos responsáveis por domicílio é de 11,5 salários mínimos.

Serraria
Tem 4.682 habitantes, representando 0,34% da população do município. Com área de 1,75 km², representa 0,37% da área do município, sendo sua densidade demográfica de 2.675,43 habitantes por km². A taxa de analfabetismo é de 11,3% e o rendimento médio dos responsáveis por domicílio é de 2,7 salários mínimos.


A Etapa Bairros do 5º Congresso da Cidade está mobilizando representantes dos setores público e privado, organizações não-governamentais, voluntários e lideranças locais para participar de reuniões nos 82 bairros da Capital até o início de julho. Também nos bairros, as lideranças formam um comitê de mobilização e articulação do território. Em novembro, será realizado o seminário final, com a compilação de Metas e Motes para cada bairro. O mote do 5º Congresso da Cidade é a Copa do Mundo de 2014, mas as discussões terão seu horizonte estendido até 2022, buscando definir ações planejadas que tragam melhorias para os moradores e contribuam para o aperfeiçoamento da democracia e o cuidado com a cidade.

Copa do Mundo é tema de audiência pública no Cristal

Nesta quarta-feira, 27, a Secretaria Municipal de Gestão e Acompanhamento Estratégico (SMGAE) participou de audiência pública promovida pela Câmara Municipal. O evento foi realizado na Igreja Santa Teresa, bairro Cristal. Durante o encontro com a comunidade, foram debatidos os impactos que as obras da Copa do Mundo 2014 irão gerar na região. 

O secretário-adjunto de Gestão e Acompanhamento Estratégico, Roni Marques Correa, representou a prefeitura e explicou que as obras na localidade estão previstas no Plano Diretor desde 1958. Conforme Roni, a realização do evento esportivo será uma grande oportunidade para que essas obras sejam executadas com recursos do Governo Federal.

“O Demhab iniciou o levantamento sócio-econômico dos moradores da região. Esse trabalho é fundamental para sabermos realmente o perfil e quantas famílias encontram-se no leito da avenida. A comunidade tem participado constantemente da elaboração do Projeto”, esclareceu Correa.   

Grupo Experimental da Cidade comemora Dia Internacional da Dança




Nesta sexta, daí 29 de abril das 12 às 13h, personagens do espetáculo Faz de Conta que, do Grupo Experimental de Dança da Cidade estarão em performances na Casa de Cultura Mario Quintana comemorando o Dia Internacional da Dança. Uma família com enormes cabeças redondas coloridas enfrenta o desafio de dançar, descobrindo como se orientar. Uma metáfora que faz referência a cabeças dançantes repletas de ideias e pensamentos, como postulava Jean-Georges Noverre, mestre de dança do século XVIII. Para Noverre, não bastava apenas bailarinos com corpos bens treinados, mas era preciso mentes também atentas, críticas e ativas. Para isso, sugeria além do estudo de dança, o de anatomia, filosofia, artes em geral. Com esta perspectiva, ele antecipou posturas éticas e estéticas que se colocam hoje como desafios à dança na cultura contemporânea.
E, em função de sua enorme contribuição, o Dia Internacional da Dança, oficializado pela UNESCO, é comemorado na data de nascimento de Noverre. Percorrendo a Casa de Cultura, os bailarinos do Grupo Experimental de Dança da Cidade estarão distribuindo ao público trechos das Cartas sobre a dança,, publicadas pela primeira vez em 1760.


“È indispensável e necessário que os bailarinos dividam seu tempo e seus estudos entre o corpo e o espírito e que ambos sejam objeto de suas reflexões; mas infelizmente dá-se tudo ao primeiro e nada ao outro. Raramente a cabeça conduz as pernas e, como o espírito e o gênio não se encontram nos pés, fica-se perdido; o homem é eclipsado, resta apenas a máquina mal combinada, exposta à estéril admiração dos tolos e ao desprezo justo dos conhecedores”

Jean-Georges Noverre
Trechos de Cartas sobre a Dança – 1760

“O êxito nas composições de dança somente é possível se o coração se inquieta, se a alma com vivacidade se emociona, se a imaginação se incendeia, se as paixões trovejam e o gênio clareia.”

Unisinos abre debate do Desenvolvimento Humano no V Congresso da Cidade



Nesta segunda-feira (2), às 19h, a Unisinos dá início aos debates sobre o Eixo do Desenvolvimento Humano do V Congresso da Cidade. O encontro será realizado às 19h na Sala Santander, localizada no Campus Unisinos Porto Alegre, que fica na Avenida Luiz Manoel Gonzaga, 744, junto ao Colégio Anchieta.
São quatro as dimensões sobre o desenvolvimento de Porto Alegre que serão discutidas no V Congresso da Cidade: do Desenvolvimento Humano, do Desenvolvimento Cidadão, Econômico e Urbano/Ambiental, sendo que os demais estão a cargo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Pontifícia Universidade Católica (PUC), e Ulbra.

As presenças ao encontro devem ser confirmadas pelo endereço eletrônico unisinospoa@unisinos.br.

Turismo Sustentável com base comunitária


O Ministério do Turismo e o Instituto Polo Internacional lançaram edital para seleção de iniciativas nacionais de turismo sustentável e de base comunitária para participação na II Mostra de Turismo Sustentável (MTS). A mostra acontecerá em 17 e 18 de junho, durante o VI Festival de Turismo das Cataratas, em Foz do Iguaçu (PR). Por meio do edital, serão selecionadas 18 iniciativas, que contarão com estande para expor e comercializar seus produtos e serviços durante o festival. O prazo para envio das propostas é 29 de abril de 2011. As fichas de inscrição estão disponíveis no endereço http://www.turismo.gov.br/turismo/convenios_contratos/selecao_projetos/.

9ª Semana Nacional de Museus

O Instituto Brasileiro de Museus e o Ministério da Cultura lançaram dia 25 de abril, o guia do evento que terá a participação de 1006 museus de todo o país e tem a programação completa da 9ª Semana Nacional de Museus, que será realizada de 16 a 22 de maio. A publicação traz informações sobre os cerca de 3 mil eventos programados pelos museus e instituições participantes em mais de 500 cidades brasileiras.Neste ano, a Semana Nacional de Museus terá participação de 1.006 museus e instituições culturais de todos os estados do país que integrarão a programação, oferecendo eventos como exposições, oficinas, espetáculos de música, teatro e dança, seminários, exibição de filmes e outras atrações.A Semana de Museus é celebrada anualmente por dezenas de países e é o maior evento, no âmbito mundial, comemorativo ao Dia Internacional de Museus (18 de maio).

Exposição “Kadiwéu Ofayé Urubu-Ka’apor - Os Índios de Darcy Ribeiro


O Museu Antropológico do Rio Grande do Sul informa que está em cartaz a exposição ‘Kadiwéu Ofayé Urubu-Ka’apor - Os Índios de Darcy Ribeiro’, no Centro Cultural Erico Veríssimo, sala Memorial Erico Veríssimo, Rua dos Andradas, 1223 - Porto Alegre/RS. A mostra reúne 42 trabalhos fotográficos realizados entre 1942 a 1949. Darcy Ribeiro assina cinco fotos os Ofayê (MS) datados de 1948. São os únicos registros fotográficos existentes da etnia. Todo o material exposto pertence ao Fundo SPI do Arquivo do Museu do Índio, tendo sido em 2008, incluído no Registro Nacional do Programa Memória do Mundo da UNESCO.

Pagamentos feitos até o final de abril priorizarão Pontos de Cultura e programa Mais Cultura



A ministra Ana de Hollanda anunciou que vai terminar o mês de abril quitando R$ 150 milhões em pagamentos atrasados de anos anteriores a 2011, os chamados restos a pagar. Nos pagamentos foram priorizados o programa Cultura Viva (Pontos de Cultura), as obras em andamento do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), os convênios com prefeituras e governos estaduais (Programa Mais Cultura), as áreas de Livro, Leitura e Literatura, os editais dos Microprojetos Culturais da Amazônia, além de parte considerável do setor audiovisual. A Fundação Nacional das Artes (Funarte) e o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) já tiveram todas as suas pendências zeradas. Interessado em saldar as contas, o MinC solicitou à Secretaria do Tesouro Nacional a antecipação de recursos financeiros da ordem de R$ 60 milhões. O montante se junta a outros R$ 90 milhões já utilizados pelo ministério para saldar pagamentos, o que irá perfazer, até o fim deste mês, R$ 150 milhões.

Grupo de controle
Total
Prefeituras/Governos de Estado
17.432.500,00
Obras do Iphan
15.225.492,30
Funarte
10.853.815,33
Pontos de Cultura
8.582.004,00
Diretoria de Livro, Leitura e Literatura
8.238.591,94
Total
60.332.403,57

O HÁBITO DA LEITURA - DICA CULTURAL



Hoje em dia a juventude sofre de um mal que é o da pouca vontade ou quase nada disposição para a leitura, muitos sequer chegam a ler os livros que as professoras pedem no colégio e o que fazem buscam na internet os resumos das obras e com isso acham que se bastam.
Cada vez mais vemos jovens que não têm assunto para conversar, qualquer assunto ou palavra mais estranha foge ao seu conhecimento, pois com a pouca leitura não adquirem para sua bagagem cultural novos vocábulos, assim muitas vezes ao se falar um palavra um pouco estranha ao linguajar quase de gíria, os jovens se perguntam que palavra é essa.
As redações também são muito prejudicadas, pois sem ler não aumentam seu vocabulário e também não aprendem a escrever, sendo assim é vergonhoso o numero de vestibulandos e suas notas quase beirando ao zero nos vestibulares.
Eu lembro nos meus tempos de ginásio como era bom o hábito da leitura, líamos vários romances muitas vezes, hoje bendigo a leitura de outrora que me ajuda na facilidade em escrever.
Como tenho ainda um hábito de leitura recentemente descobri na internet, pois também como os jovens digo no meu caso que campereio na internet em busca de coisas boas e recentemente achei um site que é uma rede de sebos, e tive a oportunidade de verificar os bons preços dos livros usados, edições mais antigas, fiz a encomenda por mais de uma vez e recebi tudo direitinho pelo correio, assim socializo com quem possa interessar em aumentar a sua biblioteca o endereço eletrônico:


Aproveitem, aumentem suas bibliotecas, leiam bastante e se tornem cada vez mais jovens e pessoas com ótima cultura em geral.

TAMBÉM SOCIALIZEM COM SEUS AMIGOS O EXPOSTO ACIMA.


POR GUIMARÃES

POSTAMOS PORQUE GOSTAMOS

 

Nosso blog, como todos os leitores sabem, é 99% voltado para a cultura regional gaúcha. Contudo, por vezes, fugimos deste paradígma e enveredamos por searas nacionais e universais como é o caso desta postagem reproduzindo uma publicação de domingo, dia 24/4, no Jornal O Globo, escrita por Gil Cordeiro Dias Ferreira.

Na verdade, tal postagem tem tudo a ver com nosso Rio Grande Velho, outrora considerado o Estado mais politizado da nação.

Eis a publicação:

Que venha o novo referendo pelo desarmamento. Votarei NÃO, como da primeira vez, e quantas forem necessárias. Até que os Governos Federal, Estaduais e Municipais, cada qual em sua competência, revoguem as leis que protegem bandidos, desarmem-nos, prendam-nos, invistam nos sistemas penitenciários, impeçam a entrada ilegal de armas no País e entendam de uma vez por todas que NÃOlhe cabe desarmar cidadãos de bem.

Nesse ínterim, proponho que outras questões sejam inseridas no referendo:

• Voto facultativo? SIM!

• Apenas 2 Senadores por Estado? SIM!

• Reduzir pela metade os Deputados Federais e Estaduais e os Vereadores? SIM!

• Acesso a cargos públicos por indicação de politicos, e o fim do nepotismo? SIM!

• Reduzir os 37 Ministérios para 12? SIM!

• Cláusula de bloqueio para partidos nanicos sem voto? SIM!

• Fidelidade partidária absoluta? SIM!

• Férias de apenas 30 dias para todos os políticos e juízes? SIM!

• Ampliação do Ficha-limpa? SIM!

• Fim de todas as mordomias de integrantes dos três poderes, nas três esferas? SIM!

• Cadeia imediata para quem desviar dinheiro público? SIM!

• Fim dos suplentes de Senador sem votos? SIM!

• Redução dos 20.000 funcionários do Congresso para um terço? SIM!

. Fim do financiamento público das campanhas? SIM!

• Fim do horário Eleitoral obrigatório? SIM!

• Maioridade penal aos 16 anos para quem tirar título de eleitor? SIM!

Um BASTA! na politicagem rasteira, suja, da pior espéciei que se pratica no Brasil? SIM!!!!!!!!!!!

CLASSIFICAÇÃO PROJETOS FAC-LIC-RS

http://www.procultura.rs.gov.br/uploads/1303914313FAC_RS___listagem_classificatoria_.pdf
 
Atenciosamente

Hilton Luiz Araldi

Festeneco



FESTENECO é a festas dos bonecos que é muito bacana, e é aberta a qualquer tipo de improvisação, esquete, etc.
Nesta será cobrado R$5,00 ou um pacote de café que será doado a CASA DO ARTISTA.
A festa vai homenagear também o Dia Internacional da Dança que é dia 29 de abril.

A Semana de Teatro de Bonecos em Porto Alegre foi idealizada pela AGTB (associação gaúcha de teatro de bonecos) e foi muito atuante, hoje ela já não existe, mas existe grupos que mantêm a semana viva, como forma de fomento e disseminação. Toda a programação é voluntária e gratuita e participam muitos artistas.
Veja a programação da festa e participe!
  • Bonecos
    Esquetes: Campônio – Grupo Camaleão
    O Proprietário e os Anjos – Só Rindo
    Bonecos de Pau – A Divina Comédia
    Dança da Boneca – Ridan Albuquerque
  • Dança
    Ballet Vera Bublitz
    Coreografia: CUPIDO CUBANO
    Solista: LARA KRENZINGER
    Coreografa: ALICIA ALONSO
  • Coreografia: JÓIA
    Solista: FERNANDA RODRIGUES
    Coreografa: MARIUS PETIPA
  • Coreografia: PRISSIONER
    Solista: ISABEL ROSSO
    Coreografa: GIANE TEIXEIRA
  • Coreografia: RUNAS
    Bailarinas: DIANA FRÓES, ISABELE ROSSO E FERNANDA RODRIGUES
    Coreografa: GIANE TEIXEIRA
  • Strip performático
    Direção: Marcelo Restori e
    Bailarina: Aline Karpinski
  • Ambrosia Cultural
    duas coreografias do espetáculo “Peça sem nome”
    Coreografias: "Alabama Song" e "Elvis”
    Elenco: Caroline Martins, Fernanda Marques, José Henrique Ligabue e Maiquel Klein
    Direção: Paula Martins
  • Colocando o som para dançar (DJ’S)
    LuciFer (colocando fogo na pista)
    Frederico Restori (ouvindo a nova geração)
    Jeffie (não vem de garfo que hoje é sopa)
Tudo isso dia 29/04 às 21h, na Casa de Teatro - Café Bertoldo (Rua Garibaldi, 853)

Prazo de inscrições para o Curta nas Telas é prorrogado

O prazo para inscrições na 37ª edição do Curta nas Telas foi prorrogado até 27 de maio. As inscrições podem ser realizadas pessoalmente, das 9h às 12h e das 14h às 18h, ou pelo Correio, por Sedex ou Aviso de Recebimento (AR), no endereço da Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia, situada na Usina do Gasômetro (avenida Presidente João Goulart, 551, 3º andar – CEP 90010-120 – Porto Alegre/RS).

Podem participar do concurso filmes nacionais de curta-metragem que tenham cópia em boas condições na bitola 35mm ou com matriz encodada no sistema digital, com duração de até 15 minutos, sem considerar o tempo de duração dos créditos finais, que não tenham sido exibidos pelo disposto na Lei Federal nº 6.281, de 09/12/1975, e que tenham sido realizados após o ano de 1990, inscritos por pessoas físicas ou jurídicas. Não serão aceitas inscrições encaminhadas fora do prazo ou que não atendam às exigências do regulamento.

O regulamento está disponível na seção de editais do site da SMC e também pode ser solicitado pelo e-mail curtanastelas@smc.prefpoa.com.br.

Mais informações na Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia, pelos fones (51) 3289-8137 e (51) 3289-8135.

Curta nas Telas
Em 15 anos de funcionamento, foram selecionados 249 filmes de todo o Brasil. Os selecionados na 36ª edição estão em cartaz no circuito comercial de cinemas de Porto Alegre desde o dia 17 de dezembro de 2010 e continuarão até 2 de junho de 2011. Os selecionados na 37ª edição serão exibidos no segundo semestre de 2011. Outras informações sobre o projeto e sobre o concurso podem ser encontradas em www.curtanastelas.blogspot.com.


Convite PELOPIDAS THEBANO GALERIA ESPAÇO IAB


Oi Amigos !!!
Espero por vocês no coquetel de abertura da minha exposição individual na Galeria Espaço IAB. Para os que não puderem estar lá, peço uma ajuda na divulgação.
Abraços saudosos,
Pelópidas Thebano 

27 de abril de 2011

COMO SURGIU A EXPRESSÃO TCHÊ?

                      
 Sotaques e regionalismos na hora de falar são conhecidos desde os tempos de Jesus. Todos na casa do sumo sacerdote reconheceram Pedro como discípulo de Jesus pelo seu Jeito “Galileu” de se expressar.

No Brasil também existem muitos regionalismos. Quem já não ouviu um gaúcho dizer: “Barbaridade, Tchê”? Ou de modo mais abreviado “bah, Tchê”?

Essa expressão, própria dos irmãos do sul, tem um significado muito curioso.

Para conhecê-lo, é preciso falar um pouquinho do espanhol, dos quais os gaúchos herdaram seu “Tchê”.

Há muitos anos, antes da descoberta do Brasil, o latim marcava acentuada presença nas línguas européias como o francês, espanhol e o português. Além disso o fervor religioso era muito grande entre a população mais simples.
Por essa razão, a linguagem falada no dia, era dominada por expressões religiosas como: “vá com Deus”, “queira Deus que isso aconteça”, “juro pelo céu que estou falando a verdade”, e assim por diante.

Uma forma comum das pessoas se referirem a outra era usando interjeições também religiosas como: “Ô criatura de Deus, por que você fez isso”? Ou “menino do céu, onde você pensa que vai”? Muita gente especialmente no interior ainda fala desse jeito.

Os espanhóis preferiam abreviar algumas dessas interjeições e, ao invés de exclamar “gente do céu”, falavam apenas Che! (se lê Tchê) que era uma abreviatura da palavra caelestis (se lê tchelestis) e significa do céu. Eles usavam essa expressão para expressar espanto, admiração, susto. Era talvez uma forma de apelar a Deus na hora do sufoco. Mas também serviam dela para chamar pessoas ou animais.

Com a descoberta da América, os espanhóis trouxeram essa expressão para as colônias latino-americanas. Aí os Gaúchos, que eram vizinhos dos argentinos, acabaram importando para a sua forma de falar.

Portanto exclamar “Tchê” ao se referir a alguém significa considerá-lo alguém “do céu”. Que bom seria se todos nos tratássemos assim. Considerando uns aos outros como gente do céu.

O seu modo de falar mostra que, de fato, você também é um deles. Mateus 26: 73

Colaboração Domingos Pedroso

--

RELATÓRIO 2010 CMCPOA

Apresentamos a todos o relatório do ano de 2010 do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre.

Cada linha é uma linha - Bate papo sobre textos de ficção com Claudia Tajes


Maio é o mês das oficinas literárias na CLL!

Estão abertas as inscrições para a Cada linha é uma linha - Bate papo sobre de textos de ficção com Claudia Tajes.

Cada linha é uma linha - Bate papo sobre de textos de ficção com Claudia Tajes, será uma conversa descontraída sobre como escrever de um jeito interessante para ganhar o leitor, sem burocracias ou fómulas mágicas. Será um passeio por textos de ficção, não ficção e roteiros.

Claudia Tajes
Redatora publicitária, tem livros publicados e traduzidos . Fez parte da equipe de roteiristas das duas temporadas da série de televisão Antônia e da segunda temporada da série Mandrake (HBO, 2007). Ao lado dos professores Luiz Augusto Fischer e Cláudio Moreno e da apresentadora Kátia Suman, participa do projeto de literatura Sarau Elétrico.


Dias 16 e 23 de maio (segundas-feiras)
Horário: das 18h30 às 20h
Local: Biblioteca Municipal Josué Guimarães (Av. Erico Verissimo, 307)
Ministrante: Claudia Tajes

Inscrição Gratuita.
Número de vagas: 20.
Carga Horária: 3h/a
Inscrições: pelo telefone 3289 8072

Fantástico Mundo das Bibliotecas - Abbey Library



O que você sente quando entra em uma biblioteca pela primeira vez?

Páginas e mais páginas de contos, poesias, romances, histórias de personagens reais eternizadas por belas palavras, de terras fantasiosas criadas por mentes brilhantes. Um lugar mágico.

Agora imagine isso tudo no interior de construções incríveis, esculpidas por arquiteturas milenares ou com os mais recentes aparatos tecnológicos. A partir de hoje, apresentaremos algumas dessas bibliotecas fascinantes na seção Fantástico Mundo das Bibliotecas.

A primeira maravilha é a Abbey Library, localizada na cidade de St. Gallen, na Suíça. É a mais antiga do país e uma das primeiras e mais importantes bibliotecas monásticas, herança de um monastério fundado em 613.

Os mais de 130.000 títulos estão dispostos em estantes de madeira trabalhada, sob um teto de afrescos que representam os quatro primeiros Concílios da Igreja. A decoração do salão é em estilo rococó.

Em 1983, a abadia foi nomeada Patrimônio Histórico da UNESCO.
 

Oficina do Livro - Do processo criativo ao mercado editorial

Maio é o mês das oficinas literárias na CLL!

Estão abertas as inscrições para a Oficina do Livro - Do processo criativo ao mercado editorial, com Paulo Tedesco.
O livro passo a passo, do processo criativo e os originais ao mercado e ao livro digital, todas as etapas ilustradas por situações práticas vivenciadas no mundo gráfico-editorial. Situações de negociação com editoras e gráficas e dados fundamentais para se entender as etapas essenciais na produção de um livro.


Paulo Tedesco
Consultor, editor e escritor. Estudante em diferentes áreas como direito, história e sociologia, tem experiência com a venda de livros porta a porta e com a produção gráfico-editorial nos Estados Unidos, e mais recentemente no Brasil, além da prática literária em oficinas de escrita criativa.


Dias 14, 21 e 28 de maio (sábados)
Horário: das 10h às 12h
Local: Biblioteca Municipal Josué Guimarães (Av. Erico Verissimo, 307)
Ministrante: Paulo Tedesco

Inscrição Gratuita.
Número de vagas: 20.
Carga Horária: 6h/a
Inscrições: pelo telefone 3289 8072

Coordenação do Livro e Literatura

FOTOS REUNIÃO CONSELHO GESTOR DO V CONGRESSO DA CIDADE DE 27/04

Com as presenças do Presidente do CMCPOA e Secretária Executiva Izabel Franco.

FOTOS E PAUTAS REUNIÃO INSTITUCIONAL SMC E CMCPOA DE ABRIL-27/04

PAUTAS TRATADAS:
-Adesão de Porto Alegre ao Sistema Nacional de Cultura
-Edital de cadastramento e eleição do CMCPOA
-Providências estrutura do CMCPOA
-Resposta às pautas do conselho
-Conselheiros da SMC, que não comparecem
-Conferência Municipal de Cultura
-Plano Municipal de Cultura
-Conferência Estadual de Cultura em Santa Maria

Prefeitura leva Escola Circo a crianças da Restinga

Foto: Vinícius Velho/Divulgação PMPA
Crianças têm atividades orientadas de música e disciplinas circenses Crianças têm atividades orientadas de música e disciplinas circenses
Foto: Vinícius Velho/Divulgação PMPA
Exercíos são realizados na Escola de Samba Estado Maior da Restinga Exercíos são realizados na Escola de Samba Estado Maior da Restinga
Cento e vinte crianças da Zona Sul da Capital participam, há duas semanas, da Escola Circo, na quadra da Escola de Samba Estado Maior da Restinga com atividades orientadas de música e disciplinas circenses, na manhã e tarde às quartas-feiras. A iniciativa é da Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc), em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura (SMC), por meio do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Segundo o coordenador da unidade, Cloir Duarte, o CRAS ampliado da Região Sul atende crianças e adolescentes 6 a 14 anos de idade, assistidas pelo Serviço de Apoio Sócio  Educativo (Sase). "É a forma que encontramos para levar atividades que interessam às crianças, no turno inverso ao da escola, para uma integração social sadia", afirma o presidente da Fasc, Kevin Krieger.
São 50 oficineiros que se revezam nas atividades múltiplas, começando com os exercícios de preparação física até chegar nas disciplinas circenses que vão desde acrobacias de solo, passando pelas experiências de teatro, malabares, acrobacia aérea, até chegar à condição de entrar em cena. Segundo a coordenadora do Programa, Luka Paz, a iniciação funciona como uma alfabetização física, que garante o bom desempenho em todas as demais atividades. "Começamos a preparação nos dois primeiros dias, com circo e música. Alguns se identificam logo, outros se retraem, mas acompanham e trabalham no Diário de Bordo, que é o registro de todas as ações", informa. "Aos poucos vão se definindo as preferências da criança, para a área física ou esportiva:que ocorre pelo exercício da criação, que pressupõe formas de se relacionar com o mundo," conclui .
Alice Pinheiro Duarte tem 7 anos de idade, magra e ágil,  já perdeu o primeiro dente de leite e estuda na primeira série do Ensino Fundamental na Escola Pessoa de Brum. Revela que passou a frequentar a Escola Circo a convite da professora e afirma que está adorando. "Acho muito divertido, já aprendi a fazer cachorrinho, ponte e outros exercícios bem legais. Também fiz novos amigos e tenho muita coisa para contar quando chego em casa". O mesmo ocorre com Natanel Silva, de 12 anos, que estuda na 4ª. Série. Conta que a professora  do Sase o convidou a participar da Escola Circo e nunca faltou a uma só aula desde que começou o programa. "Gosto muito, de tudo , da música, dos exercícios. É bom participar" afirma.

Fantástico Mundo das Bibliotecas - Abbey Library



O que você sente quando entra em uma biblioteca pela primeira vez?

Páginas e mais páginas de contos, poesias, romances, histórias de personagens reais eternizadas por belas palavras, de terras fantasiosas criadas por mentes brilhantes. Um lugar mágico.

Agora imagine isso tudo no interior de construções incríveis, esculpidas por arquiteturas milenares ou com os mais recentes aparatos tecnológicos. A partir de hoje, apresentaremos algumas dessas bibliotecas fascinantes na seção Fantástico Mundo das Bibliotecas.

A primeira maravilha é a Abbey Library, localizada na cidade de St. Gallen, na Suíça. É a mais antiga do país e uma das primeiras e mais importantes bibliotecas monásticas, herança de um monastério fundado em 613.

Os mais de 130.000 títulos estão dispostos em estantes de madeira trabalhada, sob um teto de afrescos que representam os quatro primeiros Concílios da Igreja. A decoração do salão é em estilo rococó.

Em 1983, a abadia foi nomeada Patrimônio Histórico da UNESCO.

Oficina de Literatura Infantil - A aventura e o compromisso de escrever para crianças


Maio é o mês das oficinas literárias na CLL!

Estão abertas as inscrições para a Oficina de Literatura Infantil - A aventura e o compromisso de escrever para crianças, com Christina Dias.

Em quatro encontros os participantes terão oportunidade de reviver as suas experiências como leitores e receptores das histórias que ficaram marcadas em suas memórias. A partir dessas lembranças o grupo terá acesso a estratégias para a produção de textos literários voltados ao público infantil.


Christina Dias
Professora e alfabetizadora, Christina publicou sua primeira obra em 2004. Hoje tem 12 livros publicados (infantis e biografias), participou de 7 antologias e ministra oficinas literárias por todo o Estado. Já recebeu o Prêmio Açorianos de Literatura de literatura Infantil e o Prêmio O sul, Nacional e os Livros.


Dias 11, 18 e 25 de maio e 1 de junho (quartas-feiras)
Horário: das 18h às 19h30

Local: Biblioteca Municipal Josué Guimarães (Av. Erico Verissimo, 307)

Ministrante: Christina Dias


Inscrição Gratuita.
Número de vagas: 35.

Carga Horária: 6h/a

Inscrições: pelo telefone 3289 8072
Coordenação do Livro e Literatura

Prazo de inscrições para o curta nas telas prorrogado até 27 de maio de 2011

A Secretaria Municipal da Cultura informa que foi prorrogado o prazo para as inscrições na 37ª Edição do Curta nas Telas até o dia 27 de maio de 2011.

Poderão participar filmes nacionais de curta-metragem que tenham cópia em boas condições na bitola 35 mm ou com matriz encodada no sistema digital, com duração de até 15 (quinze) minutos, sem considerar o tempo de duração dos créditos finais, que não tenham sido exibidos pelo disposto na Lei Federal n° 6281 de 09/12/1975, e que tenham sido realizados após o ano de 1990, inscritos por pessoas físicas ou jurídicas.
O Regulamento estará disponível no portal www.portoalegre.rs.gov.br/cultura ou poderá ser solicitado pelo e-mail curtanastelas@smc.prefpoa.com.br. Informações na Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia (CCVF) pelos fones: (51) 3289-8137 e (51) 3289-8135.

As inscrições poderão ser realizadas pessoalmente, das 9h às 12h e das 14h às 18h, ou pelo Correio, por SEDEX ou Aviso de Recebimento (AR), no endereço da Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia (CCVF), situada na Usina do Gasômetro - Av. Pres. João Goulart, nº 551 / 3º andar – CEP 90010-120 – Porto Alegre – RS.

Em 15 anos de funcionamento foram selecionados 249 filmes de todo o Brasil. Os selecionados na 36ª Edição estão em cartaz, no circuito comercial de cinemas de Porto Alegre, desde o dia 17 de dezembro de 2010 e continuarão até 02 de junho de 2011.

Os selecionados na 37ª Edição serão exibidos no segundo semestre de 2011.

Ficções - exposição do Cineesquemanovo até dia 30



A exposição “Ficções” , que está aberta à visitação na Galeria Lunara até dia 30 de abril, tem curadoria das sócias do CEN Jaqueline Beltrame e Morgana Rissinger. A proposta é mostrar trabalhos em fotografia e vídeo de artistas que apresentem nas obras selecionadas uma forte carga ficcional, promovendo um diálogo e uma aproximação diretos entre cinema e artes visuais, ficção e registros do “real”.


O interesse foi buscar imagens, fotos ou vídeos, que remetessem à criação de ficções, utilizando conceitos que comumente são desenvolvidos na prática cinematográfica: uma cena representada, um still de um filme imaginário, a criação de personagens e a relação entre eles, imagens de situações/fatos imaginários, etc.



Foram escolhidos quatro artistas que têm em suas produções algumas obras que dialogam com estas possibilidades de ficção levadas em consideração por esta exposição: Sofia Borges, (vive e trabalha em São Paulo e Ibiúna – SP), Cinthia Marcelle (vive e trabalha em Belo Horizonte – MG), Jonathas de Andrade (vive e trabalha em Recife – PE), e Alessandra Sanguinetti (vive e trabalha em Nova York – EUA).

Palestra sobre Documentação e Conservação em Museus

Museu guarda acervos sobre a cidade: histórico, fotográfico e arqueológico


Museu guarda acervos sobre a cidade: histórico, fotográfico e arqueológico

O Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo promove o ciclo de palestras Diálogos no Museu na quinta-feira, 28, a partir das 19h. O tema da segunda edição de 2011 é “Documentação e Conservação de Acervos Museológicos”. A atividade tem entrada franca, mediante confirmação por e-mail (museu@smc.prefpoa.com.br) até o dia 27. As vagas são limitadas.
As palestrantes convidadas desta edição são Ana Carolina Gelmini, museóloga e professora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Andrea Reis, museóloga e responsável técnica pela conservação de objetos no Museu Joaquim Felizardo.
Mais informações
Museu Joaquim Felizardo - Rua João Alfredo, 582
museu@smc.prefpoa.com.br
Fone: 3228-2788 e 3221-2825

Solicite inscrição no email museu@smc.prefpoa.com.br

A FERROVIA DO RIACHO




“O fluxo de veranistas
para a Tristeza e Pedra Redonda
provocou um surto de desenvolvimento...”


As fontes de pesquisa existentes no Arquivo Histórico de Porto Alegre Moysés Vellinho,agregadas a fontes de outras instituições,geram conhecimento, muitas vezes traduzido em teses e dissertações acadêmicas. Estas retornam ao Arquivo como novas fontes de pesquisa, ampliando as possibilidades de apropriação da memória cultural. Exemplo disso, é a dissertação de mestrado do arquiteto André Huyer,intitulada A Ferrovia do Riacho: um caminho para a urbanização da zona sul de Porto Alegre, doada por ele ao Arquivo. Entre as fontes consultadas pelo autor nesta Instituição, podemos citar as Atas da Câmara de Vereadores do fim do século XIX e livros como Porto Alegre, origem e crescimento, de Riopardense de Macedo.



A dissertação pretende definir as causas e consequências da construção da ferrovia. A origem remonta ao final do século XIX, por necessidade de transportar os dejetos para serem jogados no Guaíba, em local periférico,poupando a região central da Cidade. A primeira viagem na ferrovia para despejo sanitário na Ponta do Melo foi em novembro de 1899. Como vemos, a prioridade de transporte ferroviário para a zona sul era de asseio, saneamento.



Mas em 1900, o trem iniciou o transporte de passageiros,como alternativa às diligências e ao transporte fluvial. Os moradores do centro eram atraídos por um ambiente mais higiênico e próprio para veraneio como era a zona sul com praia e ar puro, local bom para a saúde,segundo os médicos da época. O fluxo de veranistas para a Tristeza e Pedra Redonda provocou um surto de desenvolvimento,com aumento de consumo de produtos hortigranjeiros e pecuários, início da prestação de serviços na área terciária, loteamentos de chácaras. Já em 1901, abriram os primeiros hotéis na Tristeza.

No entanto, a Ferrovia do Riacho começou a decair nos anos 30, no governo de Alberto Bins, que, por problemas financeiros da Intendência, ofereceu a ferrovia para o Estado. Na época, os ônibus faziam forte concorrência aos trens.
A VFRGS assumiu a Ferrovia do Riacho mas, por problemas estruturais e conjunturais, desativou o transporte de passageiros em 1936 e o de carga em 1941.Com a enchente no mesmo ano, a ferrovia foi destruída e não recuperada.



Realiza-se amanhã, 28 I fórum Internacional de Mutualismo


Amanhã, , 28, será realizado em Porto Alegre I Fórum Internacional de Mutualismo. O evento, que acontece no Hotel Deville, é uma iniciativa da Organização de Entidades Mutualistas da América (Odema), em parceria com o Círculo Operário Porto-Alegrense (Copa) e com apoio da prefeitura. O prefeito participa da abertura do encontro, às 9h.

O secretário de Coordenação Política e Governança Local, Cezar Busatto, vai integrar o painel "Líderes Americanos da Economia Social e Solidária – A participação, a ajuda mútua e a solidariedade como fatores chave na proteção social de seus membros". Segundo Busatto, o conceito de mutualismo aproxima-se de outro mais conhecido no Brasil, que é o cooperativismo. Segundo ele, Porto Alegre tem sido referência como cidade que busca articular sua rede de participação.

O objetivo do fórum é impulsionar uma estratégia de trabalho com entidades solidárias afins. No encontro de Porto Alegre, será debatido o mutualismo como um sistema de inclusão sustentável e eficaz, que contribua para a construção de uma sociedade mais igualitária.


"A Odema é uma organização sem fins lucrativos que representa o mutualismo americano e está constituída por mais de 46 entidades pertencentes a 15 países da América do Norte, Central, Sul e Caribe. Segundo a entidade, sua criação cobriu a ausência de representatividade nos fóruns mundiais da economia social e solidária. Seu objetivo principal é a integração regional das entidades mutualistas, estabelecendo condições para a diminuição da pobreza e a promoção da igualdade de oportunidades e do equilíbrio social."


*Fonte: http://www2.portoalegre.rs.gov.br/

1ª REUNIÃO FÓRUM DOS CONSELHOS DE 2011

HOJE,27/04/2011, às 10 horas, realizou-se na sala de reuniões do 11º andar da  Rua Uruguai , 155 a primeira reunião do ano do Fórum dos Conselhos Municipais de Politicas Públicas.
PAUTA; RELATÓRIO DOS CONSELHOS,PRÓXIMAS REUNIÕES, ORGANIZAÇÃO DO FÓRUM E ASSUNTOS DIVERSOS
Foi informado pela representante do governo Elisabeth Portanova Mendes Ribeiro da Rocha, que em reunião ocorrida hoje mesmo do Secretário Busatto e vários secretários municipais foi tirado a seguinte decisão.
1 - A CASA DOS CONSELHOS É PRIORIDADE PARA O GOVERNO FORTUNATI
2 - VAI SER ABERTO LOGO A LICITAÇÃO
3 - JÁ EXISTE VERBA PARA A CONSTRUÇÃO.
Na mesma reunião foi combinado pela plenária que o fórum se reunirá a principio uma vez por mês, na última semana do mês e que o dia da semana será construido após consulta por email.
Foi também decidido que a próxima reunião, que ocorrerá na última semana de maio terá pauta específica:
ELEIÇÃO DA COORDENAÇÃO DO FÓRUM DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE POLITICAS PÚBLICAS.
TUDO CONFORME O ARTIGO:
Art. 14.  O Fórum Municipal dos Conselhos da Cidade será dirigido por um colegiado constituído por 1 (um) coordenador titular, 1 (um) coordenador suplente, 1 (um) secretário titular e 1 (um) secretário suplente, eleitos em plenária convocada para esse fim, dentre os dirigentes dos Conselhos Municipais.
Guimarães Presidente  Conselho Municipal de Cultura
F: 3026.6777 / 9987.5880
Twitter Guimarães:http://twitter.com/notas_guimaraes
Blog Conselho POA:http://cmcpoa.blogspot.com